Spotify lança campanha de valorização à cultura preta no Brasil

Written by on 25 de setembro de 2021

Não haveria música sem a influência da cultura preta. No entanto, assim como acontece em outras searas, essa contribuição está longe de receber o reconhecimento adequado. O Spotify criou a campanha ” Abra Seus Ouvidos” e convida as pessoas a escutarem o que as vozes pretas têm a dizer. O objetivo é impulsionar o crescimento da indústria e apoiar todas as manifestações culturais.

Com participação de Ludmilla, Djonga, MC Dricka e L7NNON, a iniciativa apresenta relatos que ilustram a extensão desse preconceito na construção da indústria cultural. A partir das experiências pessoais dos convidados, a campanha questiona: “Você me ouve. Mas você me escuta?”. Essa indagação é o fio condutor do filme oficial da campanha, que conta com a voz da cantora Ludmilla, declamando um poema da Kimani, a poeta de slam do Grajaú.

“Tem bastante vozes pretas que abrem meus ouvidos. A primeira delas é um ícone pra mim, que é a Beyoncé. Eu amo tudo o que ela representa. A força que vem dela me dá mais coragem pra viver, sabe? A Rihanna também. Tudo que ela fez com a vida dela me inspira demais. Eu também amo escutar a IZA. A postura dela, o jeito dela, a voz da IZA, as músicas que ela canta, as letras, eu curto demais. Eu ficaria aqui o dia todo falando”, explica Ludmilla em um dos áudios da campanha.

Já Djonga, revela que “escutar a voz dos pretos muda a realidade objetiva. A primeira coisa que muda é no bolso de quem está sendo escutado. E subjetivamente, muda para quem está ouvindo. Se essa pessoa é preta, ela vai se identificar e falar que existe alguém igual. E se essa pessoa não for preta, talvez ela passe a compreender um pouco as questões que devem ser compreendidas para o mundo ficar um pouquinho diferente”.

“Se eu fosse fazer uma homenagem, faria para a Rihanna e para a Beyoncé. Elas fizeram eu quebrar muitas barreiras. Antes eu não conseguia me aceitar. Através delas, eu consegui enxergar isso, porque elas são negras, pretas, lindas, e eu falei que também podia ser assim”, adiciona MC Dricka.

“Sempre eu vejo muita gente falar isso: ‘ah, o L7 é branco’. Eu me vejo como uma pessoa preta, sim. Tenho sempre que provar que o carro que eu tenho é meu, que o dinheiro que está no meu bolso é meu, que o cordão que eu tenho fui eu que comprei, mas obviamente eu me coloco no meu lugar de passar por situações muito menos constrangedoras que uma pessoa de pele mais escura passa”, finaliza L7NNON.

O Spotify está usando o poder de sua plataforma para apoiar os criadores negros, amplificar suas vozes e acelerar conversas significativas. Como parte da campanha, o Spotify também lançou a enhanced playlist “Abra Seus Ouvidos” – que contará com vídeos e áudios exclusivos dos artistas que participam da campanha, compartilhando suas próprias perspectivas e experiências em como é ser um artista negro, além de revelar quais são os outros artistas que influenciam a arte e a obra produzida por eles até hoje.

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: POPline

Tagged as

Reader's opinions

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.



Current track

Title

Artist