Neurocirurgião comenta caso de ex-BBB Rodrigo Mussi e fala de possíveis sequelas

Written by on 2 de abril de 2022

No acidente, Rodrigo sofreu um traumatismo craniano, além de fraturas pelo corpo. Ele passou por cirurgias na cabeça e na perna e seu estado — segundo o boletim divulgado no fim da noite de quinta-feira por sua assessoria e as informações atualizadas pela família ontem — é delicado, porém estável. O neurocirurgião Roberto Oberg explica que existem diferentes níveis de gravidade de um traumatismo craniano:

— Classificamos o traumatismo craniano encefálico (TCE) de três maneiras, e a avaliação é feita pela escala de coma de Glasgow, onde vemos o quanto o paciente está ou não consciente. Isso (é feito) através da abertura dos olhos, da resposta verbal e vendo se ele obedece ordens para mexer membros do corpo, como braços e pernas. A escala vai de três a 15 pontos. Entre 13 e 15, o TCE é classificado como leve; de 8 a 12, moderado; e abaixo de 8, mais grave.

Acidentes que atingem cabeça e área cerebral costumam gerar ainda mais preocupação nas pessoas. A assessoria de Rodrigo já informou que o Hospital das Clínicas, em São Paulo, não emitirá boletins médico públicos e que novas informações serão dadas apenas com autorização da família. Diante do que já se sabe até então, o especialista explica que os casos são muito individuais em relação a possíveis sequelas.

— É difícil entendermos o que realmente aconteceu. Mas cada dia tem que ser bem avaliado e monitorado. As sequelas variam de acordo com as regiões do cérebro acometidas. Elas podem ser motoras, na fala ou déficit cognitivos, por exemplo. Dependendo da patologia e das medidas que são feitas, existem casos em que o paciente se recupera 100% — reforça Roberto Oberg.

Segundo o site Metrópoles, o ex-BBB teria passado por um procedimento para a introdução de um cateter intracraniano. De acordo com Oberg, isso serve para monitorar a pressão de dentro da cabeça:

— É algo teoricamente simples e rápido, em que é feito só um pequeno furo na cabeça. O cateter tem a função de monitorar a pressão do crânio. Se ela sobe, significa que algo está acontecendo, como um edema ou aumento de sangramento.

Após passar pelas cirurgias de emergência, o consultor comercial continua internado no Hospital das Clínicas, na Zona Oeste de São Paulo. Na tarde de sexta-feira, dia 1º, o irmão do ex-BBB, Diogo Mussi, postou em seus stories no Instagram que os procedimentos foram bem-sucedidos. Ele ainda informou que o próximo boletim médico sairá somente nesta tarde.

“Após reunião com os excelentes médicos do Hospital das Clínicas, fomos informados de que o Rod está estável e que as próximas horas são importantes para a sua melhora”, disse.

Rodrigo estava em um carro de aplicativo quando sofreu o acidente. Ele saiu de Osasco, próximo da estação de trem Presidente Altino e seguia para o bairro Consolação. O acidente ocorreu na madrugada de quinta-feira, 31 de março, na Marginal Pinheiros, sentido Interlagos, a 800 metros da Ponte Eusébio Matoso.

Vários internautas, famosos, inclusive ex-BBBs e as equipes dos que ainda estão confinados, publicaram mensagens de apoio, torcendo pela recuperação de Rodrigo e pedindo orações. O perfil do São Paulo também falou sobre o caso e desejou melhoras ao rapaz, que é são paulino. Sua últimas postagens foram justamente em um jogo da final do Paulistão, torcendo e comemorando a vitória do time.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Extra


Reader's opinions

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.



Current track

Title

Artist