Written by on 2 de junho de 2022

ENTREVISTA EXCLUSIVA COM MARCOS PĘDŁOWSKI – PROFESSOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO NORTE FLUMINENSE. BACHAREL E MESTRE EM GEOGRAFIA PELA UFRJ. PESQUISADOR COLABORADOR EXTERNO DO CENTRO DE ECOLOGIA, EVOLUÇÃO E ALTERAÇÕES AMBIENTAIS DA UNIVERSIDADE DE LISBOA.

CONSTRUIR UMA PONTE SOBRE A LAGOA DE CIMA.

LI COM ALGUMA INCREDULIDADE A INFORMAÇÃO DE QUE O PREFEITO WLADIMIR GAROTINHO EM SUA RECENTE À CÂMARA DE DIRIGENTES LOJISTAS (CDL) TERIA ANUNCIADO A CONSTRUÇÃO DE UMA PONTE SOBRE O ESPELHO DA LAGOA DE CIMA, UMA UNIDADE DE CONSERVAÇÃO AMBIENTAL CRIADA VIA A LEI MUNICIPAL NO. 5.394 DE 24 DE DEZEMBRO DE 1992 NOS ESTERTORES DO PRIMEIRO MANDATO DE PREFEITO DE ANTHONY GAROTINHO, QUE VEM SER O PAI MAIS FAMOSO DO JOVEM ALCAIDE CAMPISTA.

A IDEIA DE CONSTRUIR UMA PONTE SOBRE UM AMBIENTE LACUSTRE QUE JÁ SE ENCONTRA SOB FORTE PRESSÃO ME FAZ PENSAR QUE, AO CONTRÁRIO DO PAI QUE MOSTROU EM 1992 ESTAR ANTENADO COM AS PREOCUPAÇÕES AMBIENTAIS EMANADAS NAQUELE ANO DO INTERIOR DA CONFERÊNCIA DAS NAÇÕES UNIDAS SOBRE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO, REALIZADA NO RIO DE JANEIRO NAQUELE MESMO ANO, WLADIMIR ESTÁ MAIS ALINHADO COM AS POSTURAS DE OUTRO PREFEITO NOTÓRIO, ZEZÉ BARBOSA, QUE RESOLVEU DIVIDIR OUTRA FAMOSA LAGOA CAMPISTA, A DO VIGÁRIO, PARA A CONSTRUÇÃO DE UMA AVENIDA SOBRE SEU LEITO.

A VOLTA AO PASSADO JÁ TINHA SINALIZADA POR WLADIMIR GAROTINHO QUANDO ELE DECIDIU EXTINGUIR A SECRETARIA MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE, MAS AGORA COM A PROPOSTA DE CONSTRUÇÃO DE UMA PONTE (QUE PODERIA SER CHAMADA DE PONTE ZEZÉ BARBOSA) SOBRE A LAGOA DE CIMA, A REGRESSÃO ESTÁ CLARA E ESCANCARADA. E DESDE JÁ SINALIZO QUE ESSA PROPOSTA INDECOROSA NÃO PODERÁ SER TOLERADA, SEJA POR QUEM SE BENEFICIA DOS SERVIÇOS AMBIENTAIS PROPICIADOS POR AQUELE IMPORTANTE ECOSSISTEMA LACUSTRE, MAS TAMBÉM PELAS AUTORIDADES JUDICIAIS.

É QUE NÃO SE FOR TOLERADA A CONSTRUÇÃO DESSA PONTE SOBRE A LAGOA DE CIMA AS CONSEQUÊNCIAS AMBIENTAIS, BEM COMO OS PREJUÍZOS ECONÔMICOS E CULTURAIS, SERÃO INEVITÁVEIS. O CURIOSO É QUE NO JÁ DISTANTE ANO DE 2006, SOB O COMANDO CIENTÍFICO DO PROFESSOR CARLOS EDUARDO DE REZENDE, DOIS LABORATÓRIOS DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO NORTE FLUMINENSE (O DE CIÊNCIAS AMBIENTAIS (LCA) E O DE ESTUDOS DO ESPAÇO ANTRÓPICO (LEEA), PRODUZIRAM UM ESTUDO DETALHADO SOBRE A LAGOA DE CIMA QUE FOI TRANSFORMADO NO LIVRO INTITULADO “DIAGNÓSTICO AMBIENTAL DA ÁREA DE PROTEÇÃO AMBIENTAL DA LAGOA DE CIMA”

ESSA OBRA TROUXE NÃO APENAS INFORMAÇÕES SOBRE AS CARACTERÍSTICAS AMBIENTAIS DA LAGOA DE CIMA, MAS UMA SÉRIE DE INFORMAÇÕES IMPORTANTES PARA A SUA GESTÃO SUSTENTÁVEL. LAMENTAVELMENTE TODAS AS INFORMAÇÕES CONTIDAS NA OBRA, AINDA QUE ENTREGUES EM CERIMÔNIA PÚBLICA A GESTORES MUNICIPAIS E POSTERIORMENTE AO MINISTÉRIO PÚBLICO ESTADUAL, NA FIGURA DO FALECIDO PROMOTOR DE JUSTIÇA MARCELO LESSA, NUNCA FORAM DEVIDAMENTE APROVEITADAS. NO ENTANTO, ME ATREVO A DIZER QUE TANTO O DIAGNÓSTICO COMO AS LINHAS MESTRAS PARA O ORDENAMENTO E USO SUSTENTÁVEL DA APA DA LAGOA DE CIMA CONTINUAM ATUAIS.

EM FUNÇÃO DISSO TUDO É QUE SERÁ NECESSÁRIA UMA MOBILIZAÇÃO URGENTE PARA IMPEDIR QUE A PONTE ZEZÉ BARBOSA JAMAIS SAIA DOS PLANOS MIRABOLANTES DE WLADIMIR GAROTINHO. AFINAL DE CONTAS, NÃO É POSSÍVEL QUE EM PLENO SÉCULO XXI AINDA SE TOLERE AÇÕES QUE JÁ ESTÃO PARA LÁ DE ULTRAPASSADOS. ESSA PONTE PARA O PASSADO PROPOSTA POR WLADIMIR NÃO PODE SER TOLERADA. SIMPLES ASSIM.

E ANTES QUE EU ME ESQUEÇA, UMA HUMILDE SUGESTÃO AO PREFEITO: SEJA MAIS COMO SEU PAI FOI, E MENOS ZEZÉ BARBOSA. A NATUREZA CERTAMENTE VAI AGRADECER!

 

 

 

 

 

 

 

 

Live Notícias


Reader's opinions

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.



Current track

Title

Artist